sindefurnas@sindefurnas.org.br
(35) 3529-3100

Artigos

Câmara Técnica de Energias Renováveis

Ideia é criar fórum para discutir e estimular projetos de energias renováveis

Da redação

O Programa Oeste em Desenvolvimento lançou na última quarta-feira (15), em Foz do Iguaçu, a proposta para formação de uma Câmara Técnica de Energias Renováveis. A ideia é criar um fórum com diferentes instituições, dos setores público e privado, para discutir e estimular a adoção de projetos baseados em energias renováveis – como a solar, a eólica e o biogás.

O presidente do Programa, Mário César Costenaro, explicou que as energias renováveis estão entre os eixos estratégicos, ou seja, são ações que contribuem para a construção de um cenário favorável ao desenvolvimento sustentável. Os outros eixos estruturantes são infraestrutura/logística, pesquisa e desenvolvimento, crédito e fomento, capital social e cooperação.

Segundo ele, a partir do lançamento da câmara e da apresentação da metodologia de trabalho, os integrantes serão escolhidos pelos próprios membros do programa – nos cargos de coordenação, moderação, secretaria executiva e assessoria técnica. “Muitos pesquisadores já demonstraram interesse em participar”, adiantou.

Cícero Bley, superintendente de Energias Renováveis de Itaipu, lembrou que a região já conta com a maior produtora de energia limpa e renovável do planeta – Itaipu Binacional – e todo esse conhecimento está disponível para ajudar a desenvolver o setor. “A estratégia é estimular os recursos naturais locais, que estão disponíveis para fazer energia. E com isso ficando toda a economia na própria região Oeste do Estado”, disse.

O lançamento ocorreu durante a abertura do Seminário Energias Renováveis como Vetor do Desenvolvimento do Oeste do Paraná, no Hotel Viale Cataratas. O evento terminou na quinta-feira (16) como parte da programação da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia, realizada pelo Sebrae Paraná.

(Jornal da Energia – 17/10/2014)

© 2014 SINDEFURNAS TODOS OS DIREITOS RESERVADOS By Mediaplus